Forum baseado em vampiro a mascara, final fantasy, xenogears, kingdom hearts.
 
InícioCalendárioFAQBuscarMembrosGruposRegistrar-seConectar-se

Compartilhe | 
 

 Quartel General - Nova São Paulo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
Narrador
Admin
avatar

Mensagens : 68
Data de inscrição : 23/03/2015

MensagemAssunto: Quartel General - Nova São Paulo   Ter Mar 24, 2015 5:38 am

O Quartel General de Nova São Paulo é um inovadíssimo prédio subterrâneo construído para ser o refúgio principal da Camarilla na cidade. Não é exatamente um Elísio, porém não é permitido o uso de disciplinas sem prévia autorização.

O Quartel conta com mais de dez andares subterrâneos, sendo eles o Quartel General das três Forças de Elite da Camarilla, depósito de armas, salão de guerra, salão comunal, banco de sangue, a academia, refúgios, centro de treinamento, bibliotecas, etc. É como uma cidade embaixo da cidade, para os militares da Camarilla exclusivamente.

O unico acesso ao Quartel General é através do elevador Central que leva à superfície, sendo que o usuário pode escolher uma das cinco regiões de São Paulo: Norte, sul, leste, oeste e centro e também fora da cidade.

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://finalfantasyvchapter.forumeiros.com
Agata Allein

avatar

Mensagens : 43
Data de inscrição : 24/03/2015
Localização : São Paulo

MensagemAssunto: Re: Quartel General - Nova São Paulo   Qua Mar 25, 2015 1:52 pm

- Obrigada

Finalmente, agora preciso encontrar Gabriela, mas... merda, eu não faço a menor idéia de onde ela está, melhor eu ir até meu quarto pegar meu PDA e mandar uma mensagem, seria burrice vasculhar esses 10 andares, definitivamente.

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Loryon Vyker

avatar

Mensagens : 4
Data de inscrição : 01/04/2015

MensagemAssunto: Re: Quartel General - Nova São Paulo   Seg Abr 06, 2015 5:34 am

Ao sair do prédio em que estava, o Ventrue pode vangloriar toda a majestade e beleza que a milênios havia sido proibido de contemplar: O sol, a luz do dia, o calor tateando sua pele sem causar-lhe uma terrível combustão, algo que nunca em toda sua não-vida imaginou que um dia teria de volta.

Além da grande beleza da luz do dia, ele poderia ver vários prédios metálicos quase como se fosse uma cidade, mas uma cidade evoluída em questão de tecnologia, haviam carros passando, alguns eram realmente flutuantes mas ainda a uns 30 centímetros de distância ao chão, outros possuíam rodas mas não pareciam ser feitas de borracha e eram totalmente silenciosas, todos os veículos não emitiam nenhum barulho, tirando aquela poluição visual que as cidades possuíam em sua época.

Loryon observa a reação inicial de Guilhermo e pergunta:

- Um grande passo na evolução do nosso mundo, não concorda, senhor Crow?

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Guillermo Crow

avatar

Mensagens : 29
Data de inscrição : 23/03/2015

MensagemAssunto: Re: Quartel General - Nova São Paulo   Ter Abr 07, 2015 3:40 am

O ventrue olhava agora para o sol ja com certo desdem... Nao era um simulacro q lhe causaria espanto...

Olhando a o avanço tecnológico mais uma vez sentia o peso de ser um fóssil tal qual uma armadura medieval no meio de uma sala de visitas... Ali estava exposto...

Ele ouve o cometário do Tremere e contra argumenta sem encara-lo

"- Coronel Vyker sem querer parecer inadequado devo dizer que ilusões e fanfarras eu ja observava antes mesmo de me tornal imortal... Agora, mil anos a frente, temo estar diante de um deja vu... Um simulacro de Cartago.

Ele se vira e agora olhando para o rosto de seu interlocutor lança.

"- Mas creio q nao foi pra isso q descongelaram essa peça história q vos fala"
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Loryon Vyker

avatar

Mensagens : 4
Data de inscrição : 01/04/2015

MensagemAssunto: Re: Quartel General - Nova São Paulo   Ter Abr 07, 2015 5:43 am

O General responde para Guilhermo com o mesmo olhar de desdém que ele havia feito após encarar a faceta do sol no céu.

- Em primeiro lugar, sou um General, Senhor Crow, não um Coronel, o senhor já sabe de meu status pois fui apresentado ao senhor desta maneira, então não se faça de tolo e não abuse de minha preferência por sua pessoa, eu posso mudar de ideia a qualquer momento. Em segundo lugar, o senhor sim está sendo inadequado, e acrescentando... Ingênuo. O senhor mal despertou neste novo mundo e fala com toda a arrogância e desdém comparando o passado e o presente, mas vosso conhecimento, principalmente sobre ilusões, não passam de base conceitual para as novas "ilusões" que alguns dos Caitiffs que temos produzem em suas pesquisas diariamente.

Dá uma pausa e continua:

- Em terceiro lugar, não seja impertinente e ousado comparando esse sistema globalizado que vês e que funciona a quatro séculos com a vergonha que Cártago foi do inicio ao fim. As pessoas e cainitas daquela época eram tolos, ignorantes, nada sabiam da vida e da não-vida assim como muitos até hoje continuam não sabendo. Somente um desprovido de bom senso acreditaria que aquelas ruínas serviriam para algum futuro. Eu presenciei Cártago e ri de todos que acreditaram em sua ascensão. Mas como o senhor disse, não o trouxe a estes tempos para que fiques maravilhado com a nova não-vida, mas se subestima tanto o futuro com tão pouca compreensão que tens acredito ser melhor voltar ao teu sono, pois o que preciso é de um homem de visão e progresso, não de um simples antiquado.

O General estava severo, a arrogância do Ventrue poderia já ter lhe custado a boa visão que o Tremere havia tido dele a momentos atrás.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Guillermo Crow

avatar

Mensagens : 29
Data de inscrição : 23/03/2015

MensagemAssunto: Re: Quartel General - Nova São Paulo   Ter Abr 07, 2015 6:38 am

Apesar de tudo ele sorrira... Nao com desdem mas com franqueza...

"- mea culpa... mea máxima culpa..."

Ele sustenta o olhar do Tremere enquanto pode nao em desafio mas como se corroborasse com a Assunção do equívoco.

"- Como disse General, essa peça histórica nao quis ser indelicado. Nao desejo discutir com o Senhor as nuances do avanço tecnológico de sua era... Isso esta deveras distante de meu raciocínio. Creio estar subjugado intelectualmente perante os próprios caitiffs que nomeara anteriormente. "

Ele olha no entorno e numa atitude respeitosa ele assevera

"-O senso de auto preservação fala mais alto... mas nao devo eleva-lo ao status de soberba. Nao estou mais na minha epoca de atuação. Mas creio que tenha desígnios para mim. "

Ele pausa um.um . momento e continua

"- Sim. Um homem de progresso esse e atemporal e espero atender suas expectativas Senhor"
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Loryon Vyker

avatar

Mensagens : 4
Data de inscrição : 01/04/2015

MensagemAssunto: Re: Quartel General - Nova São Paulo   Ter Abr 07, 2015 2:46 pm

O General Tremere não desfazia seu olhar severo mesmo após Guilhermo reconhecer seu erro. Ele começa a caminhar em direção às ruas enquanto falava ao Ventrue:

- Minhas expectativas presumem sua liderança, mas antes precisas provar que é digno dela e passarás por provas, como os demais que ascenderam. Siga-me, um de meus subordinados irá lhe acompanhar até as colonias para que te alimentes direito e esteja mentalmente preparado para que suas novas lições comecem.

Loryon e Guilhermo caminhavam pelas ruas e o Ventrue podia perceber à medida que andava que sua visão não estava tão boa, talvez o tempo imenso que seus olhos estiveram inutilizados não o deixaram perceber mas estava com a visão embaçada, talvez o pó tenha se reunido em suas lentes de contato ou seu grau tenha mudado, mas ainda assim o Ventrue conseguia enxergar, não conseguiria ler uma placa a uma certa distancia mas conseguia se virar por enquanto se fosse precavido, tanto é que o Ventrue chega a observar um prédio em particular que era um enorme arranha-céu e os cainitas adentram nele.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Guillermo Crow

avatar

Mensagens : 29
Data de inscrição : 23/03/2015

MensagemAssunto: Re: Quartel General - Nova São Paulo   Ter Abr 07, 2015 9:08 pm

O Ventrue nada diz.. Tão somente anui com a a cabeça... Sua mente estava preenchida com todas as novidades que assomavam...

Resolveria a questão dos olhos depois... Com uma tecnologia tão avançada, de certo, teriam uma forma de resolver era pendencia humana em sua carne morta viva.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Narrador
Admin
avatar

Mensagens : 68
Data de inscrição : 23/03/2015

MensagemAssunto: Re: Quartel General - Nova São Paulo   Dom Abr 12, 2015 3:26 pm

Após Guilhermo adentrar no arranha-céu junto do General, um jovem de aparentemente dezesseis anos que estava ali sentado se levanta e se encaminha até o Ventrue e o Tremere. Ele presta contingência ao General. O jovem vestia um sobretudo azul marinho com detalhes brancos, como uma espécie de uniforme e então diz em um tom respeitoso:

- Um bom dia, General Vyker.

O General responde indicando Guilhermo gestualmente:

- Um bom dia, soldado Van Gard. Este é Guilhermo Crow, um ancião de muitos séculos que tivera seus despertar autorizado a pouco. Senhor Crow, este é o soldado Christopher Van Gard, da força de Elite Blue Falcon, também do clã Tremere.

O jovem responde levantando a mão para o cumprimento:

- É um prazer conhecê-lo, senhor Crow.


______________________________________________

OFF: aparência 3

[center]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://finalfantasyvchapter.forumeiros.com
Guillermo Crow

avatar

Mensagens : 29
Data de inscrição : 23/03/2015

MensagemAssunto: Re: Quartel General - Nova São Paulo   Seg Abr 13, 2015 9:55 pm

Elite Blue Falcon... Guillermo percebia que estava diante de uma realidade militarizada... A sustentação politica da Camarilla e sua ars magna se perderam, finalmente ele percebe... Questionava-se que se havia espaço para si naquele mundo.

Com um meneio de cabeça ele saúda, de forma comedida.

- Como vai, Soldado? É um prazer
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Narrador
Admin
avatar

Mensagens : 68
Data de inscrição : 23/03/2015

MensagemAssunto: Re: Quartel General - Nova São Paulo   Ter Abr 14, 2015 10:11 pm

Após os cumprimentos formais, o novo Tremere que havia sido apresentado diz:

- muito bem, obrigado.

Vyker torna para Guilhermo e diz:

- Talvez goste de nossas colonias, senhor Crow. É um lugar que mantivermos preso ao passado propositalmente para cainitas que apreciam o modo antigo de caça e para a própria segurança de nosso novo mundo.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://finalfantasyvchapter.forumeiros.com
Guillermo Crow

avatar

Mensagens : 29
Data de inscrição : 23/03/2015

MensagemAssunto: Re: Quartel General - Nova São Paulo   Qua Abr 15, 2015 6:19 pm

O Ventrue torna a se virar para o General e comenta sem ser desrespeitoso

- Senhor General, se me permite dizer, receio que minhas... hum... restrições alimentares estejam um tanto demode nesse admirável mundo novo...

Ele pausa brevemente e continua

- Em minha época mantinha junto aos meus negocios humanos uma certa propriedade em que jovens exerciam a mais antiga das profissões e era desse rebanho que retirava meu sustento. Receio que terei de adaptar as necessidades atraves da vitae que me foi aplicada no Centro em que acordei, ao menos que exista um estoque de alimento mais mundano.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Narrador
Admin
avatar

Mensagens : 68
Data de inscrição : 23/03/2015

MensagemAssunto: Re: Quartel General - Nova São Paulo   Sab Abr 18, 2015 2:25 pm

Após as palavras de Guilhermo, o General Tremere responde:

- Não te preocupas com isso, membro da casa Real. Vá com o soldado Van Gard, ele irá auxilia-lo e tirar todas as vossas duvidas.

Após a resposta daquele homem que até o presente momento se Mostrava a autoridade mister daquela nova estrutura vampírica, o soldado questiona após assentir para o general e este retribuir:

- Podemos, senhor Crow?
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://finalfantasyvchapter.forumeiros.com
Guillermo Crow

avatar

Mensagens : 29
Data de inscrição : 23/03/2015

MensagemAssunto: Re: Quartel General - Nova São Paulo   Sab Abr 18, 2015 3:28 pm

O Ventrue se refestela ao ouvir a citação do Real nome de seu Clan.

-Deveras Sr. General. Questiono-me quando nos encontraremos novamente.

Pausa aguardando a resposta e ato continuo ele se despede e se prontifica a seguir com o soldado.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Narrador
Admin
avatar

Mensagens : 68
Data de inscrição : 23/03/2015

MensagemAssunto: Re: Quartel General - Nova São Paulo   Sab Abr 18, 2015 8:09 pm

O general responde:

- Logo após se alimentar, espero eu. Caso contrário, o soldado Van Gard ficará responsável por instruílo até que eu possa fazê-lo. Tenha um bom apetite, senhor Crow e um bom dia, caso não nos vejamos ainda hoje.

Loryon Vyker havia se despedido do Ventrue e assim que ele faz o mesmo, observa o general Tremere deixar o local pela porta de onde haviam entrado. Christopher questiona ao Ventrue.

- Muito bem, senhor Crow. Antes de prosseguirmos, tem algo que gostaria de perguntar ou declarar?

O vampiro de aparência juvenil era bem disciplinado e educado porém direto. O Venture sentia severidade mas não grosseria em seu tom de voz.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://finalfantasyvchapter.forumeiros.com
Guillermo Crow

avatar

Mensagens : 29
Data de inscrição : 23/03/2015

MensagemAssunto: Re: Quartel General - Nova São Paulo   Ter Abr 21, 2015 3:52 am

O Ventrue assume seu tom de voz aveludado e comenta

- Deveras Soldado... Meus olhos não são os mesmos... Tenho dificuldade em ver objetos distantes e isso deve me trazer problemas. Sua tecnologia pode me ajudar com isso?
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Narrador
Admin
avatar

Mensagens : 68
Data de inscrição : 23/03/2015

MensagemAssunto: Re: Quartel General - Nova São Paulo   Ter Abr 21, 2015 5:34 am

Christopher responde:

- Hum... São raros os cainitas que não tiveram este importuno ajustado. Visto que a simples cirurgia poderia reparar este defeito de forma permanente, acredito que isto poderá ajudar-lhe por agora.

Então, o soldado da intitulada Blue Falcon retira de um bolso uma espécie de óculos bem "moderno", um design que o Ventrue poderia nunca pensar em usar, mas que aparentemente era o que ele teria para hoje que poderia corrigir a sua falha visão. O soldado Tremere continua:

- Este visor possui visão longinquá, visão infravermelho, visão de raio-X, visão noturna e também calcula a massa e velocidade de um objeto. É um modelo simples mas que servirá para que não atrapalhe o senhor até que façamos a solicitação da cirurgia. O senhor também pode pegar um modelo do século XX ou XXI quando subirmos às colônias, mas usá-los aqui em baixo é... Antiquado. A vosso gosto..


____________________________________________________________

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://finalfantasyvchapter.forumeiros.com
Guillermo Crow

avatar

Mensagens : 29
Data de inscrição : 23/03/2015

MensagemAssunto: Re: Quartel General - Nova São Paulo   Ter Abr 21, 2015 5:56 am

Guillermo quase demonstra seu desconforto com aqueles óculos.... Parecia coisa de anarquista da sua época.

Ele experimenta as lentes e automaticamente verifica suas benesses... Ao menos eram uteis....

- Agradeço o obsequio Soldado... Vamos à caça?
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Narrador
Admin
avatar

Mensagens : 68
Data de inscrição : 23/03/2015

MensagemAssunto: Re: Quartel General - Nova São Paulo   Ter Abr 21, 2015 6:47 am

Christopher, impassível, assente positivamente a Guilhermo e guia o Ventrue, ainda conhecendo as excentricidades do novo mundo para um grande elevador onde lá havia uma recepcionista. Christopher recita à moça uma espécie de protocolo, um protocolo que ainda era desconhecido pelo Ventrue, e ela entrega um dedal para o soldado que pressiona seu dedo contra o aparelho. A recepcionista então entrega outro aparelho semelhante para Guilhermo, e o soldado informa-o:

- Este é o leitor sanguíneo, uma agulha ira se injetar em seu polegar para autenticação. No mundo em que vivemos comprovamos nossa autenticidade diretamente pelo sangue, uma vez que leitura biométrica e retinal podem ser burladas. O sangue é a nossa unica e verdadeira assinatura.


O soldado agora esperava a reação de Guilhermo, assim como a moça que esperava que o Ventrue cumprisse a norma diferenciada.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://finalfantasyvchapter.forumeiros.com
Guillermo Crow

avatar

Mensagens : 29
Data de inscrição : 23/03/2015

MensagemAssunto: Re: Quartel General - Nova São Paulo   Ter Abr 21, 2015 5:52 pm

Questionava-se mentalmente o Ventrue como fariam essa verificação sanguínea se um cainita era um amalgama de assinaturas genéticas de suas vitimas.... Um verdadeiro histórico de sofrimento e morte registrado através de pequenos cromossomos viajando em seu organismo morto vivo através das eras... Aquilo nunca pesara em sua consciência, afinal os fins sempre justificavam os meios, tinha escrito um carniçal seu ha muito tempo... Uma época em que o Sangue Azul gostara de viver... a época de Guillerrmo Corvi.

Mas sua habilidade de adequar ao tempo deveria ser mais uma vez utilizada... Assim sobrevivera às intempéries da existência... Um camaleão social... Um parasita temporal... Senhor da sua realidade... Guillermo Crow.

Retornando de sua divagação Guillermo anota mentalmente que descobriria mais tarde como essa tecnologia funcionava e se, de fato, não era falha. Isso poderia ser útil.. Enfim ele sorri ao Soldado estendendo a mão

- Claro... Afinal devo dançar conforme a musica.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Narrador
Admin
avatar

Mensagens : 68
Data de inscrição : 23/03/2015

MensagemAssunto: Re: Quartel General - Nova São Paulo   Qua Abr 22, 2015 6:05 am

Concordando com aqueles novos protocólos que ele ainda teria de se familiarizar, o Ventrue espeta seu polegar no dedal tendo sua amostra de sangue recolhida. Tão logo, a moça da recepção responde ao soldado:

- Está tudo ok, soldado Van Gard, estão livres para subir à colônia, e bom apetite.

Uma moça simples e cortês, Guilhermo não era acostumado ao simples, era acostumado ao melhor, mas a cortesia ainda lhe era de se apreciar, sempre seria.

O soldado Tremere então guia Guilhermo para aquele elevador onde eles adentram e as portas se fecham. Não havia painel no elevador, o que significava que o mesmo só tinha um destino. O vampiro da casa real sentia a leve pressão do elevador, mas era uma pressão quase imperceptível, se realmente não tivesse parado para prestar atenção não teria reparado na sutiliza da enjenhoca.

Leva alguns minutos até que o elevador chegue ao seu destino e o Ventrue sai em um local extremamente familiar, um local que poderia lhe arrancar um breve suspiro, mesmo que de habito mortal, e uma sensação gostosa de estar em casa. Uma grande sala oval, com uma mesa de escritório feita em madeira, com estantes, livros, cadeira... um típico lugar do século XXI, sua época, onde havia deixado seus maneirismo e costumes pela ultima vez. Estava em um lugar que pela primeira vez desde que acordara, não era estranho.

____________________________________________

OFF: pode seguir a cena Prédio da Gazeta - Velha São Paulo
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://finalfantasyvchapter.forumeiros.com
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: Quartel General - Nova São Paulo   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Quartel General - Nova São Paulo
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» Abertura da nova Loja de Armas - Promoção de 50%
» Aberta a nova temporada de roubalheira!!!
» [3DS] Pokémon X & Y - A nova geração!
» Nova Barra De Hp, Mp, Exp. 2.0
» Corinthias - São Paulo

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Final Fantasy - Chapter V :: Brasil - Continente Americano-
Ir para: